Arquivo mensal: Abril 2016

As dimensões são níveis de consciência!

dimensões _1398625871_nreduzida
As dimensões são níveis de consciência

Mensagens dos Seres de Luz

Através de: Monique Mathieu 

“Falam muito da terceira, da quinta dimensão e das outras, mas não da quarta!
Por que razão?
«A quarta dimensão é de certa forma uma dimensão de passagem.
 Vocês, habitantes da Terra, estão entre a terceira e a quarta dimensão.
Por momentos, na vossa vida, vocês já estão na quarta dimensão a nível da consciência, enquanto a nível da matéria vocês estão ainda na terceira dimensão.
Para que compreendam melhor, diremos que as dimensões são simplesmente níveis de consciência.
 Elas são reais mas não têm a mesma realidade que o mundo no qual vocês estão.
É por isso que mesmo na terceira dimensão podem estar numa consciência de quarta ou de quinta dimensão.

Acreditam que  os seres que começam realmente a compreender o que é o amor , a vivê-lo, a viver a fraternidade, a dádiva de si mesmos, a bondade e a alegria, estão na terceira dimensão?

A nível da consciência ultrapassaram muito largamente a terceira dimensão,no entanto o seu corpo de matéria ainda está na terceira dimensão.

Vocês também têm a escolha, a possibilidade, de elevar a frequência vibratória da vossa matéria para a quarta ou a quinta dimensão.
A partir desse momento tornam-se um pouco mais etéreos, mas não se dão conta, e no vosso corpo acontecem coisas que não compreendem necessariamente.
Não é evidente explicar isso, porque ainda não têm uma consciência que vos permite compreendê-lo!
Saibam que evoluem permanentemente para as consciências superiores, para as dimensões superiores!
É igualmente a finalidade da vossa vinda a este mundo neste período muito particular, bem específico.
Acrescentaremos o seguinte: apesar do vosso mundo ser duro e talvez cruel, é uma imensa sorte para  a vossa alma poder encarnar atualmente na matéria da terceira dimensão, porque ela poderá adquirir muito mais conhecimentos que em dez ou vinte encarnações!
Vocês são confrontados não só com o vosso passado e a lei de causa e efeito, mas também são puxados entre esse Amor, que vos empurra sempre mais alto, e a vida neste mundo que não está necessariamente adaptada para viver o Amor permanentemente.
Por isso estão na dualidade a nível das vossas escolhas, a nível do que sentem, mas por vezes dessa dualidade nasce a Luz e um Amor ainda maior.
Desejávamos ter respondido a essa pergunta.”

Post. e Formatação
Semeador de Estrelas 
htttp://semeadorestrelas.blogspot.com

Fonte:http://ducielalaterre.org
 Monique Mathieu 

Feliz Despertar de Consciências!

paisagem42-712x264

O Planeta passa por profundas transformações e muitos ainda olham como se estivessem fora deste processo, como meros expectadores.

Mas estamos todos interligados!

O que temos visto do lado de fora, nada mais é do que o reflexo do que tem vibrado a grande maioria da humanidade por séculos e séculos.

O momento pede que desenvolvamos a coragem de olhar para dentro.

Que busquemos acima de tudo a nossa transformação interna, que é pessoal e intransferível, a liberação de tantas amarradas e padrões negativos e limitantes e o desenvolvimento do Amor, do Perdão, da Compaixão!

E é neste mesmo planeta, passando por esse período caótico, que também vemos surgir novos paradigmas alinhados na busca pela cooperação e integração em todas as áreas.


É o surgimento de uma Nova Humanidade!


A transformação é uma realidade, não mais utopia!


O momento pede urgentemente o Renascimento interno, trazendo à consciência o Ser de Luz que todos Somos!


O momento pede que sejamos o Milagre que tanto desejamos ver!


Pois TUDO começa em NÓS!


Desejo a todos um Feliz Despertar de Consciências!

Namastê!
Cacilda Alves
Psicoterapeuta Transpessoal, Psicanalista Holística, Canalizadora e Terapeuta da Energia Pleiadiana Conexão Vibracional
* Por favor, respeite os créditos ao compartilhar mantendo meu nome como autora do texto!

 

Metamorfose

separação

 

Metamorfose

Como posso me sentir tão separado, quando na verdade eu sou um coletivo?
Como posso me sentir tão indigno se eu sou uma parte de Deus?
Como posso me sentir tão incapaz, se no meu coração está o Criador?
Como posso me sentir tão feio quando o divino está em mim?
Como posso me sentir tão sozinho quando os anjos me cercam?
Como posso me sentir tão insignificante quando eu causo a expansão do Universo?
Como posso me sentir tão estranho se eu sou a perfeição final?
Como posso me sentir tão longe de casa no planeta onde nasci?
Como posso sentir falta da família com os pais e irmãos do meu lado?
Como posso desejar amor quando a palavra é dita para mim constantemente?
Como pode o sol nascente ser o meu pai, e a terra debaixo dos meus pés ser a minha mãe?

Como pode uma estrela cadente ser tão mágica?

Como pode o vento ser o meu conforto, e a chuva minha purificação?
Como a Lua pode ser meus ciclos?
Como pode a chama de uma vela falar comigo, ou um riacho murmurante cantar o meu nome?
Como pode o coração da terra bater com o meu, e a brisa doce cantar-me uma canção de ninar?
Pois quem sou eu, uma parte do todo?
O sangue nas minhas veias tem suas origens nas estrelas, e o Universo é a minha casa.
Os planetas são meus irmãos e a galáxia é onde moramos.
Nós rodamos juntos na dança sagrada, todos são um e um são todos, e a dança continua.

E à medida que voamos através da vastidão do espaço, a escuridão é o nosso abraço.
E nós somos estrelas, nossa luz brilha de dentro.
Nós sempre fomos e sempre seremos,.. na dança interminável.
E ainda assim,.. como isso pode ser?

Angel (texto postado no face)